Passarinho prisioneiro

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Passarinho prisioneiro

Num galho ceco eu vi pousar um passarinho
pros seus filhinhos foi cantar uma canção
Um vagabundo que andava na floresta
mais que de pressa foi armar um alçapão

E a avezinha inocente foi baixando
para pegar aquele alpiste que e seu pão
Para levar pros filhinhos bem contente
Mas de repente solta um grito na prisão

E se batendo como um louco na gaiola
Aos pouco a pouco foi ficando despenada
Quebrou as azas ficou com peito ferido
Quase sem vida e a cabeça ensanguentada

E o vagabundo soltou uma gargalhada
Sem conhecer aquele triste penar
Arrependido abre a porta da gaiola
E a avezinha não pode mais avoar

Adeus filhinhos minha vida pouco resta
Adeus floresta onde aprendi amar
Este malvado que roubou minha alegria
Talvez um dia ele poderá pagar

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Author: Thiago Vilasboas

Deixe uma resposta